sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Código genético questões vestibular


Artigo sobre Código genético, propriedades do Código genético e questões de vestibular para fixação do conteúdo.

O código genético é um código universal que estabelece a equivalência entre a sequência de bases no DNA (ácido desoxirribonucleico  e a sequência correspondente de aminoácidos, na proteína. É estabelecido através da complementaridade entre as bases nitrogenadas  puras e pirimídicas  que são de quatro tipos: adenina (A), guanina (G), timina (T) e citosina (C). O código possui poucos elementos, mas é necessário que haja conexão química entre as bases que constituem ambos os filamentos, sendo que a adenina liga-se apenas à timina e a guanina sempre estará ligada à citosina.

Bases nitrogenadas do código genético

A partir destes quatro nucleotídeos, há a codificação de 22 aminoácidos, e estes, podem ser reunidos de modo que permita a formação de 64 possíveis códons de nucleotídeos. Quando ocorre a ativação dos genes, há o início da transcrição (formação de moléculas de RNA: ribossômico, transportador e mensageiro), e em seguida, o processo de tradução (síntese de proteínas), maneira pela qual o DNA coordena o metabolismo da célula.

Quando o DNA passa a mensagem do seu código genético para o RNA, como uma “cópia invertida” numa molécula de RNAm (RNA mensageiro), é chamado de transcrição. Quando esse RNAm passa para o citoplasma será desencadeada a formação de uma proteína específica e correspondente, num processo chamado de tradução do código genético.

Cada trio de ligação das bases nitrogenadas do DNA correspondem a um códon de RNAm e cada códon, corresponde a uma anticódon do RNAt (RNA transportador)  relacionado a um aminoácido. As informações que forem codificadas na molécula de DNA irão permitir o controle das atividades celulares e a transmissão das características hereditárias, e estas, somadas aos fatores ambientais, determinarão as características gerais de um indivíduo (por exemplo, cor dos olhos, cor e tipo dos cabelos, estatura, entre outras).



Propriedades do código

O código genético apresenta duas propriedades: a degeneração e a universalidade. A análise da tabela da codificação dos aminoácidos mostra que um aminoácido pode ser codificado por mais de um códon. A degeneração consiste na existência de "sinônimos", ou seja, na existência de vários códigos para cada aminoácido.

O código genético é basicamente o mesmo para todos os organismos. Em outras palavras, ele é universal, o que sugere uma origem comum para todos os seres vivos. Três dos 64 códons existentes (UAA, UAG e UGA) são chamados de códons sem sentido, ou seja, não codificam nenhum aminoácido. Tais códons são terminais, isto é, indicam o término de um císton.


A tabela abaixo representa o código genético:
Análise experimental do código genético

Veja abaixo o nome dos aminoácidos: 

Ala – alanina
Arg – arginina
Asn – asparagina
Asp – ácido aspártico
Cys – cisteína
Glu N – glutamina
Glu – ácido glutâmico
Gly – glicina
His – histidina
Ileu – isoleucina
Leu – leucina
Lys – lisina
Met – metionina
Phe – fenilalanina
Ser – serina
Thr – treonina
Try – triptofano
Tyr – tirosina
Val – valina
STOP – terminal 
Questões código genético
1) Considere um segmento de molécula de DNA com a seguinte seqüência de bases: AAT – CAA – AGA – TTT – CCG.
Quantos aminoácidos poderá ter, no máximo, uma molécula de proteína formada pelo segmento considerado?

a) 15               b) 10              c) 5              d) 3              e) 1

2) Analise as alternativas abaixo, relacionadas com o código genético:

I. Um mesmo códon pode codificar mais de um aminoácido.
II. Um aminoácido pode ser codificado por diferentes códons.
III. O código usado na espécie humana é o mesmo dos vírus.

Estão corretas:

a) I e II             b) I e III             c) II e III           d) Apenas II             e) I, II e III

3) Uma proteína é constituída por 350 aminoácidos. Quantos nucleotídeos apresenta a cadeia do ADN que codificou tal proteína?

a) 150            b) 350           c) 450                 d) 700                 e) 1 050



4) (FUVEST) Qual o papel do RNA mensageiro e do RNA transportador na síntese de proteínas?

5) (UF - Sergipe) A seleção de cada aminoácido que entra na composição de cadeia polipeptídica é determinada por uma seqüência de:
a) 2 nucleotídeos do DNA;
b) 2 nucleotídeos do RNA;
c) 3 nucleotídeos do RNA;
d) 3 desoxirriboses do DNA;
e) 3 riboses do RNA mensageiro.

6) Defina os seguintes termos, usados em genética molecular:

a) cistron
b) códon

7) Há uma impressionante continuidade entre os seres vivos (…). Talvez o exemplo mais marcante seja o da conservação do código genético (…) em praticamente todos os seres vivos. Um código genético de tal maneira “universal” é evidência de que todos os seres vivos são aparentados e herdaram os mecanismos de leitura do RNA de um ancestral comum.
(Morgante & Meyer, Darwin e a Biologia, O Biólogo 10:12–20, 2009.)

O termo “código genético” refere-se:

a) ao conjunto de trincas de bases nitrogenadas, cada trinca correspondendo a um determinado aminoácido
b) ao conjunto de todos os genes dos cromossomos de uma célula, capazes de sintetizar diferentes proteínas
c) ao conjunto de proteínas sintetizadas a partir de uma sequência específica de RNA
d) a todo o genoma de um organismo, formado pelo DNA de suas células somáticas e reprodutivas
e) à síntese de RNA a partir de uma das cadeias do DNA, que serve de modelo

8)  (UFRS 2005) O cientista britânico Francis Crick, um dos descobridores da estrutura da molécula de DNA, morto em julho de 2004, será lembrado como um dos mais influentes cientistas de todos os tempos. Em 1958, publicou um manifesto sobre a síntese de proteínas, apresentando suas hipóteses sobre a estrutura teórica da biologia molecular, lançando, assim, as bases para a descoberta do código genético. Entre as hipóteses apresentadas naquele texto, destaca-se o dogma central da Biologia. Segundo esse dogma,

a) o código genético é degenerado, pois um aminoácido pode ser codificado por mais de uma trinca.
b) a transferência de informações genéticas ocorre do DNA para o RNA, e deste para a proteína.
c) cada polipeptídeo tem uma seqüência específica de nucleotídeos determinada pelo gene.
d) cada molécula de DNA é formada pela reunião de nucleotídeos, que podem ser de quatro tipos diferentes.
e) uma molécula de DNA difere de outra pela seqüência de seus nucleotídeos.

9)  (Puccamp 2002) Um mutante perdeu um segmento de DNA contendo todas as cópias dos genes que codificam RNA transportador. A função celular drasticamente afetada por essa mutação será:

a) a replicação do DNA.
b) a síntese de RNA mensageiros.
c) a síntese de proteínas.
d) o transporte de proteínas.
e) o transporte de RNA.

10) (Fuvest 2000) Em um organismo, células musculares e células nervosas diferem principalmente por:

a) possuírem genes diferentes. b) possuírem ribossomos diferentes.

c) possuírem cromossomos diferentes.    d) expressarem genes diferentes.

e) utilizarem código genético diferente.

11) (PUC-SP)) Com relação ao código genético, foram feitas as seguintes afirmações:

I. Cada trinca de bases nitrogenadas de uma cadeia do DNA corresponde a um aminoácido.

II. O RNA ribossômico contém as informações para as proteínas que devem ser sintetizadas.

III. O RNA mensageiro, de acordo com o anticódon que possui, liga-se a um aminoácido específico.

IV. Diversos aminoácidos são codificados por mais de uma trinca de nucleotídeos.

São verdadeiras APENAS as afirmações

a) I e II           b) I e IV            c) II e III           d) II e IV            e) I, III e IV

12) Que papéis desempenham o RNA mensageiro e do RNA transportador no processo de síntese das proteínas?

13) (PUC-SP) Em 1987, foi oficialmente fundado o Projeto Genoma, que visa decifrar e mapear o código genético humano. Indique a alternativa ERRADA relativa ao código genético e à síntese de proteínas:

a) Os genes são formados por ácido desoxirribonucleico e controlam a produção de proteínas da célula, determinando as características de um ser vivo.
b) Todas as células do corpo têm a mesma coleção de genes, mas, apesar disto, encontramos células com formas e funções diferentes.
c) A mutação é uma alteração do código genético de um organismo e pode ser provocada por radiações ou substâncias químicas.
d) As mudanças na programação genética de um organismo não alteram a produção de proteínas, nem as suas características.
e) A Engenharia Genética, que é uma técnica de manipulação dos genes, pode corrigir defeitos no código genético de um organismo.

14) O DNA presente nas mitocôndrias tem composição e estrutura típicas desse tipo de ácido nucleico  portanto é formado por:

I. uma cadeia de nucleotídeos em que as bases nitrogenadas interagem, formando ligações fosfo-diéster.
II. duas cadeias polinucleotídicas paralelas e complementares entre si, através dos pareamentos de aminoácidos.
III. nucleotídeos que são compostos por uma base nitrogenada, uma pentose e um radical "fosfato".

Está(ão) correta(s)

a) apenas I       b) apenas II        c) apenas III         d) apenas I e II       e) apenas II e III.

15) (Fatec 2006) O metabolismo celular depende de uma série de reações químicas controladas por enzimas, isto é, proteínas que atuam como catalisadores e que podem sofrer mutações genéticas sendo modificadas ou eliminadas. Assinale a alternativa correta, levando em conta os ácidos nucleicos  a ocorrência de mutações e as consequentes mudanças do ciclo de vida da célula.

a) O DNA é constituído por códons, que determinam a seqüência de bases do RNA mensageiro, necessária à formação dos anticódons, responsáveis pela produção das proteínas.
b) No caso de uma mutação acarretar a transformação de um códon em outro relacionado ao mesmo aminoácido, não haverá alteração na molécula proteica formada, nem no metabolismo celular.
c) A mutação altera a seqüência de aminoácidos do DNA, acarretando alterações na seqüência de bases do RNA mensageiro e, conseqüentemente, na produção das proteínas.
d) As mutações atuam diretamente sobre as proteínas, provocando a desnaturação dessas moléculas e, conseqüentemente, a inativação delas.
e) Quando algumas proteínas são alteradas por mutações, suas funções no metabolismo celular passam a ser realizadas pelos aminoácidos.


Gabarito:

1) C  2) C  3) E  4)  RNA-m leva a mensagem genética ao ribossomo. RNA-t transporta aminoácidos para os ribossomos  5) C  6) a) Cistron ou gene é o segmento de DNA que, através das bases nitrogenadas, codifica a seqüência de aminoácidos de uma proteína. b) É a seqüência de três bases que codificam um código.  7) A  8) B  9) C  10) D  11) B  12) Os papéis desempenhados são: REPLICAÇÃO - para que possa ser transmitido à descendência; e TRANSCRIÇÃO (ou produção do RNA) - para controlar as atividades celulares através da síntese de proteínas.
13) D  14) C  15) B

2 comentários:

  1. Não entendi essa questão 15. Por que a resposta correta é a letra B?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. alterações na estrutura primária que podem ser determinadas geneticamente resultam em mudanças na estrutura secundária,terciária (e quaternária, quando houver)
      um exemplo é a doença falciforme (ou anemia falciforme), uma forma hereditária de anemia, em que ocorre a troca de um dos aminoácidos em uma das cadeias da molécula de hemoglobina: um molécula de ácido glutâmico (Glu) é substituída por uma de valina (Val). modificam-se a estrutura primária da molécula da proteína e, consequentimente, as estruturas secundária, terciária e quaternária. (tirei do meu livro de biologia)

      Excluir